ATRAÇÃO INEXPLICÁVEL

Ouço o vento e com ele a chuva. Fecho a janela e a penumbra envolve o quarto… Minha mente voa e algo prazeroso me ocorre. Tranco a porta e a excitação toma conta… Olho à esquerda e a vejo ali, na horizontal, todinha só para mim… Nossos olhares se cruzam; parecemos estar em sintonia. Ela me olha e eu a olho numa doce paquera… A atração é inexplicável. Meu corpo a deseja, como nunca a desejei… A danada se insinua e como quem adivinhasse minhas intenções. Parece que simplesmente guarda que eu parta para cima dela… Difícil resisti-la!! Como é duro lutar contra os instintos naturais… Não há o que ser feito, a não ser dizer: cama minha, cama minha: prepara-se por que vou te usar!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *